Raízes de Saudade

Tu passou e deixou
um pedacinho seu.
Ele gostou de mim.
Criou raízes
Raízes de Saudade
Que na sua falta, crescem.
Causando uma dor pequenininha,
mas constante.
Uma marca pulsante,
que vira e mexe
grita dentro de mim.
Ela não me impede de viver
Ela não me impede de flertar
ela não me impede de dançar.
O seu papel é me lembrar
Me lembrar que no final da noite
Eu prefiro estar sozinha quando
não tenho você ao meu lado.

Brunna Balbino

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s